segunda-feira, 7 de março de 2011

Gostei dessa .....

A IMPORTÂNCIA DAS MINERAÇÕES EM BODÓ


Em 1943, surgiu em Bodó duas minerações, eram a “Mina Bodó e a Mina Cafuca”, sobre a administração de Servulo pereira, foi um período de muito desenvolvimento para a comunidade, recebendo um reforço em 1947 da mina nova que nesse ano teve seu surgimento. Sérvulo Pereira se endividou com o governo do estado perdendo todos os seus bens para o estado. Em 1969, tomou de conta das minerações em Bodó, a Mineração “Brasinete” que logo depois mudou de nome para “Sertaneja” que administrou até 1979.
A partir daí veio à administração do Governo do Estado com a Bodó Minas, que durou até 1995 quando perdemos comercio para a China. Até então os funcionários eram indiretos do governo, com a falência da Bodó Minas os funcionários foram incorporados na Data Norte passando assim a serem Funcionários diretos do Governo.
Essa manobra do Governo do Estado era para dizer que os funcionários que foram contratados depois da constituição Federal não teriam direito a receber suas contas, por causa disso é que vários Funcionários com até oito anos de Firma não receberam suas contas até o momento.
Em 1997, veio então à era Metasa em Bodó, nesse período a scheelita estava em baixa e sem mercado, pois perdemos espaço para nosso principal concorrente a China. A mina gerava cerca de 50 empregos e produzia apenas 9.000 mil kg de scheelita, e o preço girava em torno dos R$ 7 a 9 1 kg.A crise se estendeu até o ano de 2005, quando o governo federal, conseguiu gerar mercados para esse produto e passamos ate a vender para nosso antigo concorrente que era a china.
Hoje a mina produz uma media de 15 a 17 toneladas de scheelita, gerando cerca de 190 empregos diretos em nosso município, e o valor de um quilo está R$ 25,00. Mas o seu auge foi mesmo no ano de 2007, quando o quilo do produto alcançou o valor de R$ 34,00.
A população do município de Bodó atualmente sobrevivem da agricultura, de aposentadorias, do serviço público (Prefeitura) e ainda da mineração (METASA), que querendo ou não contribui bastante como fonte de renda para o município, é pena que existam alguns problemas visivéis na cidade no que se refere as questões Ambientais, sabemos que qualquer empresa deve se preocupar mais com o Meio Ambiente, ou seja, investir no desenvolvimento sustentável, visando implantar projetos ambientais, principalmente quando se trata de Minerações, no caso de Bodó os mineradores escavam em todos os locais, muitas vezes até acabando com a paisagem natural da cidade, como é o caso visível da entrada da cidade.
Mais a verdade é que Providencias já estão sendo tomadas, já existe até um projeto Ambiental para a área da Mina (projetado pela direção da METASA), a sec. de Meio Ambiente e a direção da Empresa já dialogaram inumeras vezes sobre essa questão e agora o caso está sendo tratado através do CONSELHO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE COM O APOIO DE ALGUNS VEREADORES.
Postado por blog da Dôra Silva às 07:44